como localizar un celular x satelite Como localizar telefone e endereço link App rastrear Stealthgenie Como localizar celular com gps samsung Sistema Apps Baixar programa para rastrear meu celular link Espia de Aplicativos espiao gratis Mobile spy no jailbreak Camera para espionagem porto alegre visit web page Rastreador de celulares telcel Espionar celular gratuito Camaras espia valladolid Aplicativo para rastrear celular pelo numero click to see more Como espionar conversas do whatsapp de outra pessoa Rastrear celular samsung galaxy young Rastrear iphone Download see more Programa espião hacker Free iphone click click the following article Como funciona programa espião de celular Aplicativo de rastreamento para o celular Camara espia Software espia see more read article Como rastrear meu celular samsung galaxy young Como espiar telefonos celulares gratis Www spybubble android 4 radio apk Rastrear telefone online Escuta telefonica espionnage rastreador para celular nokia e5 como
Morre Audálio Dantas, um dos maiores jornalistas brasileiros
Escrito por Franklin Valverde   
30-Mai-2018
fv_e_audlio_dantas_-_a_-_251015.jpgMeu primeiro voto para deputado federal, em plena ditadura, foi para Audálio Dantas. Votei em um jornalista sério e lutador, um eterno defensor da democracia. Isso era 1978. Eu era um jovem que tinha acabado de terminar o ensino médio e que queria também ser jornalista. Posso dizer que Audálio honrou plenamente o meu voto, além ser um dos melhores exemplos que tive como profissional que fazia do jornalismo – além de profissão – um ato de militância.

Alguns anos depois, já formado e na diretoria do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo, acabei conhecendo pessoalmente esse que foi um dos melhores presidentes que o nosso Sindicato já teve, em um período dificílimo para a História do Brasil. Audálio Dantas foi um dos responsáveis em desmontar a mentira do suicídio do jornalista Vladimir Herzog, brutalmente assassinado pela ditadura militar.

  Depois, quando estava pesquisando para o meu doutorado, no início dos anos 2000, cujo tema era o estágio profissional em Jornalismo, ele colaborou dando uma entrevista esclarecedora sobre a situação dos estagiários, nos anos sessenta e setenta, dentro das redações brasileiras. Eu considerava o Audálio um amigo mais velho, sempre afável e extremamente bondoso, pronto para dar uma palavra de incentivo para os mais novos. Quando o encontrava nos eventos políticos do Sindicato, não perdia a oportunidade de trocar algumas palavras com ele, pois eram repletas de muita sabedoria. Sempre me chamava de professor, quando, na verdade, ele que era um dos meus mestres. Infelizmente, isso não acontecerá mais.

Hoje o destino colocou um ponto final na grande reportagem que foi a sua vida.   Audálio Dantas, você fará falta para todos nós. Fica aqui o nosso adeus.